Eleições 2020: Enquanto Barreiras ‘dorme’ a democracia é ‘sangrada’

Vivemos em um país democrático, isso é indiscutível. Mas o que mais temos são pessoas que se intitulam ou pretendem representar o povo rompendo com estes laços sagrados que compõem o manto sagrado que protegem a nossa nação.

Ontem deparei-me com pessoas em frente às escolas de Barreiras, fazendo um derrame de lixo eleitoral, os famosos santinhos, em frente a locais que deveriam serem mais respeitados pelos pais de nossos filhos, as escolas.

Foram várias as situações constrangedoras, onde presenciei até funcionários públicos nessa prática criminosa. E o mais surpreendente de tudo, para eles era algo banal, uma prática que se estende ao longo dos anos em Barreiras.

Isso é crime! E a Justiça Eleitoral deveria aplicar uma punição àqueles que perpetuam essa ‘sangria’ em nossa democracia. E um fato que chamou a minha atenção foi a ausência de qualquer autoridade, seja ela policial, jurídica, legislativa ou executiva.

Aqueles que deveriam estar protegendo os direitos dos cidadãos, estão procurando corrompê-los. E o que nos resta? A nós, cidadãos e eleitores, resta-nos não votar nas ‘excelências delinquuentes’ e corruptores dos direitos do povo.

E às autoridades competentes, resta apenas fazer com que as leis sejam cumpridas e aplicar a devida punibilidade a estes criminosos, pois, temos que prezar pelo correto. Temos que lutar pela ordem e pelo progresso, pois, onde não há ordem não há progresso.

P.S. “Esse fato é algo que deveria envergonhar não àqueles que o praticam, mas principalmente àqueles que irão representar o povo”.

Fonte: Redação do Barreiras 40 Graus.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *