Rui admite estratégia do 2º turno, retoma críticas a Neto e incentiva Isidório e Eleusa a usarem sua imagem

Além de elogiar a formação da chapa com o Sargento Pastor Isidório (Avante) na cabeça e Eleusa Coronel (PSD) na vice, o governador Rui Costa (PT) deixou claro seu plano de ser ajudado na realização de um segundo turno em Salvador pela campanha dos dois, ao discursar agora há pouco no evento em que a composição foi anunciada.

“Nós temos uma base com alguns nomes e temos que garantir a unidade desse nosso grupo e que, no segundo turno, possamos garantir a vitória para Salvador”, disse Rui, que surpreendeu a classe política com sua presença no evento, já que supostamente a pré-candidata de seu coração seria Major Denice Santiago, que filiou ao PT.

Ainda que o lançamento de Isidório seja visto como o passaporte para o segundo turno que Rui tanto deseja para Denice, poucos acreditaram que pudesse participar do ato, capaz de fortalecer excessivamente o pré-candidato do Avante, cuja idéia seria de que pudesse apenas, sem ofuscar a petista, ajudar o grupo na tarefa de impedir que Bruno Reis (DEM) vença no 1º turno.

“Ficamos com a ilusão de que Salvador é apenas os locais dos cartões postais. Que você tenha a sensibilidade de tomar as decisões junto com Eleusa. O ato de governar é o ato de tomar decisões”, afirmou Rui, dirigindo-se a Isidório e retomando as considerações críticas sobre a gestão do prefeito ACM Neto (DEM), padrinho do pré-candidato do DEM, temporariamente suspensas desde o início da pandemia.

“Nós precisamos encontrar um ponto de equilíbrio entre arrecadação para gerir a cidade e um estímulo para gerar emprego e renda. Salvador há muitas décadas está entre as capitais com maior desemprego do país. Isso não mudou. Essa é a maior dificuldade”, afirmou, recomendando à chapa que use sua imagem e o que fez pela cidade como forma de alavancar a campanha.

“Quero aqui de forma muito sincera emprestar tudo o que foi construído na cidade. Vocês podem usar a minha imagem como achar conveniente. ‘Vamos cuidar de gente. Essa é a expressão máxima. Toda sorte e podem contar comigo e boa caminhada”, afirmou o governador.

Fontes: Política Livre / Brasil Político

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *